Análise da economia e balança comercial da Província de Santa Catarina (1845-1855)

Gustavo Bastezini

Resumo


O artigo pretende avaliar o comércio e a balança comercial da província de Santa Catarina de 1845 a 1855; analisando os relatórios de província pode-se retirar dados dessa fonte que explicita a economia catarinense e sua balança comercial. Além de relacionar com a conjuntura política e econômica da época, o presente trabalho conseguiu inserir a província em uma análise sobre a revolução industrial, e a Teoria de Vantagens Comparativas de David Ricardo. A agricultura, tal como a pesca na província, foi a base da economia catarinense; a escravidão como escolha de negócios demonstra o enraizamento desse método na sociedade catarinense.


Palavras-chave


História Econômica; Economia Catarinense; Província de Santa Catarina, Balanço Comercial de Santa Catarina; Teoria de Vantagens Comparativas.

Texto completo:

PDF


Revista Santa Catarina em História - Florianópolis - UFSC - Brasil ISSN 1984-3968